Pós-modernidade e hibridações visuais Reportar como inadecuado




Pós-modernidade e hibridações visuais - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Em Questão 2007, 13 2

Autor: Flávio Vinicius Cauduro

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=465645957007


Introducción



Em Questão ISSN: 1807-8893 emquestao@ufrgs.br Universidade Federal do Rio Grande do Sul Brasil Vinicius Cauduro, Flávio Pós-modernidade e hibridações visuais Em Questão, vol.
13, núm.
2, julio-diciembre, 2007, pp.
273-282 Universidade Federal do Rio Grande do Sul Porto Alegre, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=465645957007 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Pós-modernidade e hibridações visuais Flávio Vinicius Cauduro RESUMO Este texto pretende mostrar a importância da utilização do processo de hibridação na produção de representações visuais da contemporaneidade.
Enfatizamos a importância desse processo retórico de mistura-hibridação por constituir-se num dos traços de pós-modernidade (a mixagem inclusivista) mais freqüentemente encontrados nas representações de muitas mídias visuais da atualidade. Em Questão, Porto Alegre, v.
13, n.
2, p.
273-282, jul-dez 2007 . PALAVRAS-CHAVE: Comunicação visual.
Pós-modernidade. Hibridação 273 1 Introdução Sabemos, por experiência própria, que o sujeito contemporâneo das grandes cidades está submetido diariamente a uma avalanche de representações visuais, quase sempre a serviço da publicidade e da propaganda.
Essas imagens são difundidas pelas mais diversas mídias visuais, tais como cinema, TV, outdoors, cartazes, faixas, jornais e revistas, livros e folhetos, páginas da web – mídias essas com as quais aquele sujeito se relaciona com familiaridade e regularidade. Essas representações competem todo tempo entre si pela adesão do sujeito com as proposições de significação que elas veiculam.
Muitas delas se apresentam seguindo tendências e características visuais ditas pós-modernas pelos...





Documentos relacionados