Habilidades de vida: uma estratégia preventiva ao consumo de substâncias psicoativas no contexto educativo Reportar como inadecuado




Habilidades de vida: uma estratégia preventiva ao consumo de substâncias psicoativas no contexto educativo - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Marisa Cosenza Rodrigues ;Estudos e Pesquisas em Psicologia 2008, 8 3

Autor: Fernando Santana de Paiva

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=451844627009


Introducción



Estudos e Pesquisas em Psicologia E-ISSN: 1808-4281 revispsi@gmail.com Universidade do Estado do Rio de Janeiro Brasil Santana de Paiva, Fernando; Cosenza Rodrigues, Marisa Habilidades de Vida: Uma estratégia preventiva ao consumo de substâncias psicoativas no contexto educativo Estudos e Pesquisas em Psicologia, vol.
8, núm.
3, julio-diciembre, 2008, pp.
672-684 Universidade do Estado do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=451844627009 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto ARTIGOS Habilidades de Vida: Uma estratégia preventiva ao consumo de substâncias psicoativas no contexto educativo1 Life Skills: A preventive strategy against the consumption of psychoactive substances in the school context Fernando Santana de Paiva* Mestrando em Saúde Coletiva – Universidade Federal de Juiz de Fora-UFJF - Juiz de Fora, MG, Brasil Marisa Cosenza Rodrigues ** Professora Adjunto 3 do Departamento de Psicologia da UFJF - Juiz de Fora, MG, Brasil Resumo Os resultados de alguns levantamentos epidemiológicos tem apontado para o elevado contingente de jovens consumidores de álcool, tabaco e outras drogas. Frente a isso, tem-se buscado o desenvolvimento de ações voltadas a promover um conjunto de competências psicossociais, as quais são estratégicas para a prevenção ao consumo dessas substâncias.
Para esta finalidade, a Organização Mundial de Saúde (OMS) sugere a utilização do modelo Habilidades de Vida, o qual se configura como um processo de desenvolvimento de competências psicossociais consideradas essenciais para o desenvolvimento humano.
Nesta perspectiva, a instituição escolar tem sido apontada como palco privilegiado para a realização de interv...





Documentos relacionados