Palatoplastia com biomembrana natural de látex com polilisina 0,1% em cães com defeito palatino experimentalmente induzido Reportar como inadecuado




Palatoplastia com biomembrana natural de látex com polilisina 0,1% em cães com defeito palatino experimentalmente induzido - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Cintia Lucia Maniscalco ;Semina: Ciências Agrárias 2013, 34 2

Autor: Elisângela Barboza Silva

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=445744120026


Introducción



Semina: Ciências Agrárias ISSN: 1676-546X semina.agrarias@uel.br Universidade Estadual de Londrina Brasil Barboza Silva, Elisângela; Maniscalco, Cintia Lucia Palatoplastia com biomembrana natural de látex com polilisina 0,1% em cães com defeito palatino experimentalmente induzido Semina: Ciências Agrárias, vol.
34, núm.
2, marzo-abril, 2013, pp.
785-792 Universidade Estadual de Londrina Londrina, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=445744120026 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto DOI: 10.5433-1679-0359.2013v34n2p785 Palatoplastia com biomembrana natural de látex com polilisina 0,1% em cães com defeito palatino experimentalmente induzido Palatoplasty with latex biomembrane with polilisine 0,1% in canine experimental palatal defect Elisângela Barboza Silva1*; Cintia Lucia Maniscalco2 Resumo A palatoplastia é uma cirurgia de correção para restabelecer o isolamento entre as cavidades oral e nasal impedindo assim que alimentos sejam aspirados.
O tamanho da fenda limita seu fechamento, mas existem várias técnicas descritas para isso, a maioria, realizadas com retalhos autólogos da mucosa do palato, ou ainda enxertos e próteses.
Trabalhos científicos realizados com a Biomembrana Natural de Látex com Polilisina 0,1% tornaram conhecidas suas propriedades de favorecimento e aceleração do processo cicatricial, de estimulação da neovascularização, de crescimento tecidual organizado em diferentes órgãos e tecidos e de biocompatibilidade.
Foi provocado um defeito no palato secundário de sete cães, dos quais, cinco foram recobertos com a biomembrana de látex, os outros (dois) foram escolhidos como controle e tiveram o fechamento por segunda intenção.
No período pós-opera...





Documentos relacionados