Multiculturalismo e convivência. uma introdução Reportar como inadecuado




Multiculturalismo e convivência. uma introdução - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

REMHURevista Interdisciplinar da Mobilidade Humana 2012, 20 38

Autor: Paolo Gomarasca

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=407042015002


Introducción



REMHU - Revista Interdisciplinar da Mobilidade Humana ISSN: 1980-8585 remhu@csem.org.br Centro Scalabriniano de Estudos Migratórios Brasil Gomarasca, Paolo MULTICULTURALISMO E CONVIVÊNCIA.
Uma introdução REMHU - Revista Interdisciplinar da Mobilidade Humana, vol.
20, núm.
38, enero-junio, 2012, pp.
11-26 Centro Scalabriniano de Estudos Migratórios Brasília, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=407042015002 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Paolo Gomarasca DOSSIÊ: “Conviver com o diferente” MULTICULTURALISMO E CONVIVÊNCIA.  Uma introdução Paolo Gomarasca* Qual é a maneira mais comum de interpretar as relações e o intercâmbio entre as culturas? Apesar do difundido “backlash”, o modelo ainda prevalente é o multiculturalismo, em uma de suas duas versões principais: (1) a versão “assimilacionista”, que tende a eliminar todas as diferenças culturais, reduzindo-as ao domínio (colonial?) da cultura ocidental, e (2) a versão assim chamada “diferencialista”, muito em moda hoje em dia (tendo em conta a crise de identidade do Ocidente), segundo a qual as culturas são como “peças de museu”, “ilhas cognitivas” fixas e imutáveis​​, a serem deixadas por conta própria. Quais são os defeitos desta perspectiva multicultural, especialmente na versão diferencialista? Exatamente a pretensão ideológica de acreditar que as culturas sejam como mônadas de Leibniz, sem portas ou janelas.
Isso é justamente o contrário do que sustentava, por exemplo, Gandhi, quando afirmava que uma cultura não pode sobreviver se acha que pode excluir as demais. Palavras-chave: Multiculturalismo; Interculturalismo; Coexistência. * Pesquisador em filosofia moral da Univers...





Documentos relacionados