Avaliação neurológica de recém-nascidos pré-termo de muito baixo peso com displasia broncopulmonar Reportar como inadecuado




Avaliação neurológica de recém-nascidos pré-termo de muito baixo peso com displasia broncopulmonar - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Mônica Sanchez Stopíglia ; Emílio Carlos E. Baracat ;Revista Paulista de Pediatria 2009, 27 1

Autor: Tathiana Ghisi de Souza

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=406038928004


Introducción



Revista Paulista de Pediatria ISSN: 0103-0582 rpp@spsp.org.br Sociedade de Pediatria de São Paulo Brasil Ghisi de Souza, Tathiana; Sanchez Stopíglia, Mônica; Baracat, Emílio Carlos E. Avaliação neurológica de recém-nascidos pré-termo de muito baixo peso com displasia broncopulmonar Revista Paulista de Pediatria, vol.
27, núm.
1, marzo, 2009, pp.
21-27 Sociedade de Pediatria de São Paulo São Paulo, Brasil Available in: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=406038928004 How to cite Complete issue More information about this article Journals homepage in redalyc.org Scientific Information System Network of Scientific Journals from Latin America, the Caribbean, Spain and Portugal Non-profit academic project, developed under the open access initiative Artigo Original Avaliação neurológica de recém-nascidos pré-termo de muito baixo peso com displasia broncopulmonar Neurological assessment of very low birth weight infants with bronchopulmonary dysplasia Tathiana Ghisi de Souza1, Mônica Sanchez Stopíglia2, Emílio Carlos E.
Baracat3 RESUMO Objetivo: Descrever e comparar a avaliação neurológica e comportamental de recém-nascidos pré-termos com e sem displasia broncopulmonar (DBP). Métodos: Recém-nascidos prematuros com peso ao nascer inferior a 1500g e idade gestacional menor de 32 semanas foram avaliados com 40 semanas de idade gestacional corrigida, no Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher da Universidade Estadual de Campinas.
Utilizou-se a Avaliação Neurológica de Dubowitz, com 29 itens divididos em seis categorias: tônus, padrões de tônus, reflexos, movimentos, sinais anormais e comportamento.
O estado de consciência do recém-nascido foi graduado segundo Brazelton (1973). Utilizaram-se os testes do qui-quadrado e exato de Fischer para variáveis qualitativas e o de Mann-Whitney para as numéricas não-paramétricas, com nível de significância de 5%. Resultados: No período de janeiro de 2005 a setembro de 2007, 24 r...





Documentos relacionados