Itinerários terapêuticos de pacientes com diagnóstico de hanseníase em salvador, bahia Reportar como inadecuado




Itinerários terapêuticos de pacientes com diagnóstico de hanseníase em salvador, bahia - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Jorge Alberto Bernstein Iriart ;PhysisRevista de Saúde Coletiva 2014, 24 1

Autor: Patricia Vieira Martins

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=400834033015


Introducción



Red de Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal Sistema de Información Científica Vieira Martins, Patricia; Bernstein Iriart, Jorge Alberto Itinerários terapêuticos de pacientes com diagnóstico de hanseníase em Salvador, Bahia Physis - Revista de Saúde Coletiva, vol.
24, núm.
1, enero-marzo, 2014, pp.
273-289 Universidade do Estado do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=400834033015 Physis - Revista de Saúde Coletiva, ISSN (Versão impressa): 0103-7331 publicacoes@ims.uerj.br Universidade do Estado do Rio de Janeiro Brasil Como citar este artigo Número completo Mais informações do artigo Site da revista www.redalyc.org Projeto acadêmico não lucrativo, desenvolvido pela iniciativa Acesso Aberto Itinerários terapêuticos de pacientes com diagnóstico de hanseníase em Salvador, Bahia | 1 Patricia Vieira Martins, 2 Jorge Alberto Bernstein Iriart | Resumo: A hanseníase e seu diagnóstico tardio, que favorece o agravamento dos sintomas e o surgimento de sequelas físicas, permanecem como um grave problema de saúde pública no Brasil.
O objetivo deste artigo é analisar o itinerário terapêutico de pessoas com hanseníase, buscando compreender sua experiência da enfermidade, assim como os fatores que contribuíram para o diagnóstico tardio.
Foram realizadas 18 entrevistas narrativas com pacientes em tratamento de hanseníase na cidade de Salvador, Bahia, entre 2009 e 2011.
Os resultados apontam que, na maioria dos casos, os pacientes percorreram um longo itinerário terapêutico até a realização do diagnóstico.
Entre os fatores que contribuem para o diagnóstico tardio está falta de capacitação dos profissionais de saúde nos serviços de saúde para diagnosticar precocemente a enfermidade, assim como o estigma e o preconceito, que favorecem o silêncio em torno da doença e a automedicação.  Palavras-chave: hanseníase; itinerário terapêuti...





Documentos relacionados