Entre idas e vindas: histórias de homens sobre seus itinerários ao serviço de saúde para diagnóstico e tratamento de hiv-aids Reportar como inadecuado




Entre idas e vindas: histórias de homens sobre seus itinerários ao serviço de saúde para diagnóstico e tratamento de hiv-aids - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Melquisedec Santos ; Inês Dourado ;PhysisRevista de Saúde Coletiva 2015, 25 3

Autor: Luis Augusto V. da Silva

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=400842639014


Introducción



Physis - Revista de Saúde Coletiva ISSN: 0103-7331 publicacoes@ims.uerj.br Universidade do Estado do Rio de Janeiro Brasil da Silva, Luis Augusto V.; Santos, Melquisedec; Dourado, Inês Entre idas e vindas: histórias de homens sobre seus itinerários ao serviço de saúde para diagnóstico e tratamento de HIV-Aids Physis - Revista de Saúde Coletiva, vol.
25, núm.
3, julio-septiembre, 2015, pp.
951-973 Universidade do Estado do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=400842639014 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Entre idas e vindas: histórias de homens sobre seus itinerários ao serviço de saúde para diagnóstico e tratamento de HIV-Aids | 1 Luis Augusto V.
da Silva, 2 Melquisedec Santos, 3 Inês Dourado | Resumo: A partir de um estudo epidemiológico sobre apresentação tardia ao serviço de saúde para diagnóstico e tratamento de HIV-Aids, este artigo busca aprofundar a discussão sobre alguns aspectos envolvidos nesse processo.
Buscou-se registrar narrativas de homens sobre suas trajetórias ou itinerários no processo de diagnóstico e tratamento de HIV-Aids, descrevendo os acontecimentos e atores presentes nas práticas cotidianas em que ocorrem os deslocamentos até o serviço de saúde.
Foram realizadas 25 entrevistas semiestruturadas com homens com sorologia positiva para HIV, em um centro de referência para diagnóstico e tratamento em HIV-Aids, na cidade de Salvador, Bahia.
Algumas dessas histórias estão presentes no decorrer deste artigo.
Para além de um momento específico de apresentação tardia ao serviço de saúde, destaca-se a existência de uma série de ações-acontecimentos que se estende no tempo, ora dificultando, ora facili...





Documentos relacionados