Razão entre espaço morto e volume corrente vd-vt para explicar o fracasso na extubação em crianças: as limitações das evidências atuais Reportar como inadecuado




Razão entre espaço morto e volume corrente vd-vt para explicar o fracasso na extubação em crianças: as limitações das evidências atuais - Descarga este documento en PDF. Documentación en PDF para descargar gratis. Disponible también para leer online.

Jornal de Pediatria 2012, 88 3

Autor: Robinder G. Kheman

Fuente: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=399738190002


Introducción



Jornal de Pediatria ISSN: 0021-7557 assessoria@jped.com.br Sociedade Brasileira de Pediatria Brasil Kheman, Robinder G. Razão entre espaço morto e volume corrente (VD-VT) para explicar o fracasso na extubação em crianças: as limitações das evidências atuais Jornal de Pediatria, vol.
88, núm.
3, mayo-junio, 2012, pp.
191-194 Sociedade Brasileira de Pediatria Porto Alegre, Brasil Disponível em: http:--www.redalyc.org-articulo.oa?id=399738190002 Como citar este artigo Número completo Mais artigos Home da revista no Redalyc Sistema de Informação Científica Rede de Revistas Científicas da América Latina, Caribe , Espanha e Portugal Projeto acadêmico sem fins lucrativos desenvolvido no âmbito da iniciativa Acesso Aberto Jornal de Pediatria - Vol.
88, N° 3, 2012 191 VD-VT e fracasso na extubação - Khemani RG Dead space to tidal volume ratio (VD-VT) to explain extubation failure in children: the limitations of current evidence Razão entre espaço morto e volume corrente (VD-VT) para explicar o fracasso na extubação em crianças: as limitações das evidências atuais Robinder G.
Khemani* R outras realidades as evidências geradas por estudos realiiou et al.1 apresentam um artigo que descreve o valor zados em uma única instituição e com amostras pequenas. da razão entre espaço morto e volume corrente (VD-VT) para Tal extrapolação é particularmente desafiadora para estudos avaliar a probabilidade de sucesso na extubação de crianças de estratificação de risco, em que os desfechos são em parte em ventilação mecânica hospitalizadas em uma unidade de subjetivos e dependentes da instituição (por exemplo, decisão tratamento intensivo (UTI).
Os métodos do estudo reproduzem de implementar ventilação não invasiva ou reintubação). os de dois trabalhos já publicados sobre o assunto envolvendo crianças em estado crítico2,3.
Assim como no estudo de Além disso, apesar de os autores dos três estudos desHubble et al.2, Riou et ...





Documentos relacionados